A transformação digital está em curso na Credicitrus. O primeiro passo foi criar uma área dedicada à inovação, com gerência própria, com o objetivo de fomentar a criatividade na Cooperativa, buscando o desenvolvimento de produtos, serviços e processos que agreguem valor para todos os cooperados. É um projeto com grande alcance, que visa a estabelecer uma nova cultura entre os colaboradores e os associados da Cooperativa, preparando-a para crescer de forma acelerada e com qualidade em alta. Para comandar essa nova área, Tiago Sartori Costa foi nomeado Gerente de Inovação e Transformação Digital, contando com o apoio de Henrique Silva, colaborador com perfil criativo e inovador.

Algumas ações já estão sendo empreendidas por essa nova área:

  • Desenvolvimento de projeto de transformação digital em parceria com a conceituada empresa de consultoria Deloitte Brasil, visando perenizar o protagonismo e assegurar a liderança da Credicitrus do Futuro.
  • Parceria com a UNIFAFIBE para a construção de um laboratório de inovação, visando a fomentar o empreendedorismo nos alunos e demais interessados e o desenvolvimento de projetos sustentáveis, que possam ser multiplicados.
  • Internamente, várias ações estão em curso: criação da logomarca “Innovation Hub” para identificar a nova área; estabelecimento, em parceria com Recursos Humanos, de um processo de transformação da cultura da equipe da Cooperativa, para que se integre no esforço inovador; construção de um novo guia de imagem pessoal dos colaboradores, em sintonia com suas expectativas e a evolução do mercado; criação de um canal “Innovation Talk”, destinado a realizar debates descontraídos sobre temas inovadores, contando com a participação dos colaboradores; e criação de um blog com matérias e artigos sobre inovação.
  • Participação no Inovabra, um dos mais conceituados ecossistemas de startups, administrado pelo Bradesco em São Paulo, no Supera Park, um dos maiores ecossistemas de startups da região Norte de São Paulo, administrado pela USP e localizado no campus da universidade em Ribeirão Preto, SP, e no Bruto Valley, ecossistema de startups de Barretos, SP, e região. Nessas três iniciativas, a Credicitrus mantém espaço fixo e participa de todas as suas atividades, aumentando assim, as oportunidades de identificação de startups que estejam alinhadas e tenham produtos para o modelo de negócio da Credicitrus.
  • Visitas e parcerias com empresas aceleradoras, startups e outras iniciativas do gênero para apoiar a evolução e a melhoria das atividades das diferentes áreas da Credicitrus.
  • Participação na Escola de Inovadores da ETEC de Bebedouro, SP, por meio da instalação de uma escola de inovação, que fornecerá ferramentas básicas de empreendedorismo e inovação, capacitando os participantes para o desenvolvimento de modelos de negócios sustentáveis e que possam ser viabilizados por meio de startups. A Credicitrus participa do programa mediante a condução de alguns módulos e a contratação de um palestrante.
  • Participação em eventos e congressos como Silicon Valley Conference, FS Innovation, C3, Singularity University Brasil Summit e HSM Expo, entre outros, com o objetivo de conhecer as iniciativas e tendências do mercado em relação a inovação.

Escrito por sicoobcredicitrus

4 comentários

  1. Parabéns!!!

    Responder

  2. Criar uma estrutura foca em Inovação dentro de nossa cooperativa mostra o quanto a Credicitrus esta alinhada com as necessidades de transformação!
    Inovação esta no DNA da Tecnologia… Conte muito conosco para trilhar esta jornada de reinvenção e prosperidade de nossa cooperativa!!!

    Responder

  3. Otávio de Carvalho 27 de maio de 2019 às 21:15

    Muito bom! Para continuar prosperando precisamos acima de tudo fomentar a criação e troca de ideias, e para isso o melhor caminho é investir em pessoas, engajando e encorajando-as a pensar fora da caixa. Parabéns Credicitrus!!! e bora pensar e botar em prática aquilo que possa trazer melhorias para vida de nossos cooperados e toda sociedade…

    Responder

  4. CLAUDEMIR STRACHICINI 29 de maio de 2019 às 12:04

    “INOVAR e TRANSFORMAR são questões de NECESSIDADE, de SOBREVIVÊNCIA. Não se trata de tecnologia, mas sim de pessoas. Não é pensar só na criação de um aplicativo ou no open banking, é preciso pensar nas pessoas, porque é uma longa jornada e não um projeto”
    “O que nós, cooperativas, somos por natureza? Somos colaboração, sustentabilidade, igualdade e compartilhamento. Porém, somos uma versão 1.0 no mundo que as pessoas querem hoje. NÓS SOMOS O QUE O MUNDO PROCURA, faltam apenas alguns ajustes!.
    Parabéns à CREDICITRUS pela leitura do cenário, criando essa área específica para INOVAÇÃO, demonstrando que a transformação digital já está acontecendo na Credicitrus.

    Responder

Deixe uma resposta