Algumas áreas são bastante promissoras para empreender. Isso porque são setores aquecidos, que estão sempre crescendo, mesmo em situações de crise, e que têm diversas oportunidades para fazer com que seu negócio prospere e se destaque dos concorrentes.

O setor de beleza é um dos principais. O Brasil é, atualmente, o terceiro maior mercado consumidor, perdendo apenas para Estados Unidos e China. Por isso, abrir uma clínica de estética pode ser uma oportunidade incrível para conseguir maior independência financeira.

Continue lendo nosso artigo e veja como realizar esse sonho de empreender seguindo as etapas que apresentaremos a seguir.

Tenha vontade de empreender

O primeiro ponto de partida e um dos mais importantes é ter vontade de empreender. Afinal, sem isso, você pode implementar todas as dicas que daremos a seguir, mas de nada adiantará. Força de vontade de seguir um sonho é essencial.

Empreender envolve uma série de desafios e momentos complicados e só se torna possível quando você tem desejo de persistir na empreitada para conquistar um objetivo que realmente deseje. Caso contrário, nas primeiras dificuldades você considerará deixar tudo para trás e seguir outro caminho, encerrando as atividades da sua clínica de estética.

Observe as oportunidades do mercado

Toda área tem oportunidades bastante interessantes para empreender. No setor de estética não é diferente. Até mesmo por ser um setor bastante aquecido no cenário nacional, há uma série de oportunidades nas quais você poderá investir e que ainda não tenham sido amplamente exploradas na sua região.

Por exemplo, nos últimos anos surgiram diversas brechas interessantes que podem ser incluídas integralmente ou parcialmente em sua clínica, tais como:

  • nailbar;
  • depilação a laser menos dolorosa;
  • ozonioterapia para os cabelos;
  • micropigmentação de sobrancelhas;
  • alongamentos de unhas cada vez mais modernos;
  • uso de produtos verdes ou sem componentes que agridam o meio ambiente;
  • soluções estéticas para o público masculino, entre outros.

Observar tendências do mercado é fundamental para encontrar oportunidades interessantes, capazes de alavancar a sua clínica de estética e colocá-la em destaque perante seus concorrentes.

Pesquise os custos do empreendimento

Como você vai abrir um negócio se não sabe o valor a ser investido para que ele possa ser aberto? Essa fase é essencial para o planejamento financeiro, a fim de viabilizar o início das atividades.

Por isso, é um momento estratégico e exige atenção por parte da pessoa que deseja abrir uma clínica. Coloque no papel tudo que represente algum custo para a abertura do negócio. Isso deve incluir questões como:

  • pagamento de advogados para regularizar a questão legal da abertura do negócio;
  • pagamento de documentações e licenças;
  • aquisição de produtos que serão utilizados nos atendimentos;
  • aquisição de equipamentos e itens que viabilizem os atendimentos;
  • contratação de funcionários;
  • aluguel ou compra de sala ou local para realizar os serviços;
  • valor para qualificação para executar as atividades que deseja;
  • pagamento de infraestrutura (água, luz, telefone, internet, entre outros);
  • valor a ser direcionado para campanhas de marketing e divulgação, criação de material promocional, identidade da empresa, entre outros.

Por isso é essencial levantar todas essas informações para saber identificar como conseguir adquirir o capital necessário para abrir seu negócio. Assim, caso seja necessário solicitar alguma forma de financiamento, não pedirá um valor aquém do necessário. Na Sicoob Credicitus, por exemplo, oferecemos uma linha de financiamento específica para aquisição de aparelhos.

Desenvolva um plano de negócios

Alguns documentos são fundamentais para o momento de abertura de uma empresa. Um deles é o plano de negócios. Seu objetivo é traçar todas as diretrizes e objetivos durante determinado período e quais serão as ações a serem implementadas para alcançar este fim.

Com isso, há uma diminuição dos riscos envolvidos na atividade, algo que pode causar sérios problemas, principalmente na abertura da clínica de estética. Você conseguirá tomar decisões melhor embasadas e, assim, maximizar as chances de fazer seu negócio crescer e se manter sustentável ao longo do tempo.

Pesquise sobre sua área de atuação

Principalmente no setor de estética, é fundamental estar sempre pesquisando sobre sua área. Isso porque, por ser um mercado aquecido e bastante exigente, lançamentos são realizados periodicamente, para oferecer as melhores soluções para os clientes.

E, com isso, se você não acompanhar, poderá ficar atrás dos concorrentes. Lembre-se de que, por ser bem aquecido, também é uma área bastante concorrida, então gerar diferenciais competitivos é fundamental.

Encontre bons parceiros e fornecedores

Não adianta prestar um bom serviço se você não tiver bons produtos em sua clínica de estética. Sem isso, você ou seus funcionários podem ter um significativo know how, mas não conseguirão atuar com o máximo de qualidade possível.

Por exemplo, você pode ter uma grande habilidade para criar cabelos loiros, mas se não tiver bons descolorantes, matizadores e tonalizantes, o resultado final poderá ser aquém do necessário ou desastroso, podendo comprometer até mesmo a saúde dos fios dos seus clientes. Por isso, pesquise bastante sobre os parceiros e fornecedores e escolha aqueles que auxiliarão seu negócio a crescer.

Isso também vale para os equipamentos que serão utilizados. Afinal, problemas neles poderão não só atrapalhar o tratamento estético, mas também até mesmo prejudicar a saúde do seu cliente. Por exemplo, um aparelho de depilação a laser que apresente problemas pode até mesmo machucar, causando queimaduras.

Entenda a legislação do setor estético

Toda área apresenta legislações específicas para atuação. E no setor de estética não é diferente. Isso porque, por tratar questões que estão de alguma forma ligadas à saúde, pode ser necessário obter outras licenças além do alvará de funcionamento.

Além disso, é preciso acompanhar o que é de responsabilidade dos profissionais para evitar problemas que possam levar a questões judiciais futuramente. Caso seja necessário, aconselhe-se com um profissional da área de direito, que oferecerá as informações necessárias para sua situação.

Coloque tudo em prática

Agora que você já fez todos os preparativos, conseguiu levantar o capital necessário para começar as atividades, é hora de colocar tudo em prática e começar a trabalhar com a sua clínica de estética!

Lembre-se de que essa é uma área bastante promissora, um mercado que está sempre em alta e que tem tudo para prosperar, desde que você se dedique e siga os passos que citamos nesse artigo.

Agora que você sabe como abrir uma clínica de estética, é hora de manter a gestão financeira dela em dia. Por isso, assine a nossa newsletter agora mesmo e comece a receber dicas e artigos especiais diretamente em seu e-mail.

Escrito por sicoobcredicitrus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *