O Fundo de Investimento Social (FIS) da Credicitrus está apoiando, desde 2017, a instalação de sistemas de geração de energia fotovoltaica em organizações da sociedade civil, e já destinou para esse fim quase R$ 900 mil. Os recursos são canalizados por meio da Ação Social Cooperada e estão beneficiando 23 entidades, sediadas em 14 municípios de São Paulo e Minas Gerais.

Esse tipo de investimento tornou-se uma das prioridades do FIS da Cooperativa por todas as suas vantagens ambientais, uma vez que a luz solar é limpa, inesgotável, acessível a todos e especialmente abundante no território brasileiro. O melhor é que os sistemas já instalados em instituições apoiadas pela Ação Social Cooperada têm proporcionado expressiva economia nas respectivas contas de eletricidade.

Mercado em expansão

O mercado de sistemas à base de energia solar é extremamente promissor e seu crescimento é irreversível. Basta lembrar que um recente estudo conduzido por pesquisadores da Universidade Estadual de Oregon, nos Estados Unidos, revelou que painéis solares instalados em apenas 1% das terras agrícolas do mundo poderiam suprir toda a demanda elétrica do planeta.

Nesse particular, a localização e a extensão territorial do Brasil colocam o País em posição privilegiada e com enorme potencial de expansão. Por enquanto, a participação da energia solar na matriz energética brasileira é pequena, da ordem de 1,5%. Mas é preciso considerar que esse quadro está em rápida transformação. Segundo estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), a capacidade instalada da energia solar fotovoltaica no País deu um salto impressionante de 0,1% para 1,4% de participação na matriz energética nacional entre 2016 e 2018, com a instalação, nesse período, de 41 mil novas usinas de pequeno, médio e grande portes.

Isso explica todos os investimentos que vêm sendo feitos nessa área como, por exemplo, o da multinacional Canadian Solar, que implantou no final de 2017, em Sorocaba, SP, a maior fábrica de painéis fotovoltaicos do País, com capacidade para produzir 1 milhão de unidades por ano.

Entidades beneficiadas

São listadas a seguir, separadas por municípios, as 23 entidades cujos projetos de instalação de miniusinas fotovoltaicas foram aprovados para receber recursos do FIS da Credicitrus, por intermédio da Ação Social Cooperada.

  • Agudos, SP – APAE.
  • Barretos, SP – Creche Nossa Casinha e Educandário Sagrados Corações.
  • Bebedouro, SP – Associação Protetora da Infância (API) – Recanto Passionista São Vicente de Paulo; Educandário Santo Antônio; Vila Beato Contardo Ferrini; Vila Lucas Evangelista.
  • Botucatu, SP – Associação Fraternal Pelicano; Núcleo de Transformação Social.
  • Frutal, MG – Assistência Social Pio XII – Asilo Pio XII; Casa da Criança de Frutal; Educandário Padre Lourenço.
  • Garça, SP – Patronato Juvenil Garcense.
  • Guaíra, SP – Centro de Ação Social Nossa Senhora d’Aparecida.
  • Itápolis, SP – Associação Lar São José.
  • Mogi Mirim, SP – Centro de Convivência Infantil (CCI); Instituição de Incentivo à Criança e ao Adolescente (ICA); Lar São Francisco de Assis.
  • Pirassununga, SP – Associação Beneficente Alda Miranda Matheus (AMMA).
  • Ribeirão Preto, SP – Organização Vida Nova – Escola Experimental Casa das Mangueiras.
  • Santa Adélia, SP – Lar dos Velhinhos Decolores.
  • São Manuel, SP – APAE
  • Uberlândia, MG – Centro de Formação Comunitária São Francisco de Assis.

 

Linha de Crédito

A Credicitrus proporciona aos seus cooperados uma linha de financiamento de sistemas fotovoltaicos com juros inferiores aos de mercado e prazo de pagamento em até 72 meses.

Escrito por sicoobcredicitrus

2 comentários

  1. Bom dia.. sou cooperado e colaboro com diversas entidades, como posso obter informações para indica-las para receber recursos do FIS da Credicitrus, por intermédio da Ação Social Cooperada ??
    Grato
    Paulo Duran
    Ag 3188 – Catanduva/SP

    Responder

    1. sicoobcredicitrus 24 de março de 2020 às 13:40

      Paulo, bom dia!

      Encaminhamos a sua dúvida para o setor responsável e, em breve, entrarão em contato contigo por e-mail.

      Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *